Click na Imagem e acesse meu site.

PRÓXIMAS DATAS DO CURSO DE PILOTAGEM DEFENSIVA

PRÓXIMAS DATAS PARA O CURSO DE PILOTAGEM DEFENSIVA:
PRÓXIMO CURSO LIVRE DEFENSIVO, dia 11 de OUTUBRO de 2015 ou escolha sua melhor data em http://www.amaralinstrutor.com.br/eventos/ MATRÍCULAS e INFORMAÇÕES de PREÇOS SOMENTE PELOS FONES 011 4365 2008 ou 011 9 7590 2040 e pelo E-MAIL amaralmoto@globo.com


Aos domingos, em local previamente estabelecido. Atualmente ministrado WalMart SUPERCENTER, Santo André, SP. Av dos Estados 8500. Bairro Santa Teresinha.
TAMBÉM PROGRAMAMOS CURSOS E PALESTRAS FORA DE SÃO PAULO.
Este curso tem a finalidade de conhecer os limites de segurança que sua moto pode lhe oferecer em situações de emergência.
INFORMAÇÕES:
WhatsSapp: 9 7590 2040, Fone: 11-43652008, Facebook amaral.instrutor, e-mail: amaralmoto@globo.com

sábado, 29 de janeiro de 2011

Como Os Tipos Freios De Sua Moto Podem Influenciar Em Sua Pilotagem?

Amigos leitores e queridos alunos. Já abordamos, neste blog, as atitudes mais eficientes de se usar frenagens emergenciais de forma defensiva (  É Uma Questão de Sensibilidade. Três Fases de Uma Frenagem e Frear....Ai Que Medo ).
Então, vamos ver os tipos de freios que poderão  ajuda-lo na hora do susto.
Freios tipo a Tambor
Cubo (interno do tambor)

É bom saber que só existem dois tipos de freios: 

Lonas de freios
1) a TAMBOR , onde no interno desse tambor há lonas que se atritam nas paredes internas fazendo as rodas para- rem de rodar . Geralmente são freios mais progressivos,  onde o piloto precisará de uma distância de parada maior, cujo o acionamento do manete ou do pedal precisa ser mais forte. Por isso, a noção de distância e tempo de frenagens precisa ser maior, também.






Disco de freio
2) a DISCO,  um disco que, com ajuda de cáliper (pinça) e pastilhas (material abrasivo que "mordem" os discos ), ajudam a pararem as rodas. Este tipo de freio necessita de mais sensibilidade de manejo do manete ou do pedal. A distância de frenagem, que precisará ter, é menor, por causa de sua maior eficiência de frenagem em relação ao tambor. Mas, esta distância de frenagem poderá ser maior ou menor em relação a 6 fatores: 1- pneus mais aderentes (macios); 2- tipo de solo (seco, molhado, terra e com pedrinhas...); 3- tipo do cáliper (pinça), simples, duplo ou triplo para cada disco; 4- tamanho do disco; 5- flexíveis ( ou mangueiras de fluido de freio), que ligam o manete, ou pedal, até o cáliper; 6- peso da moto.

Disco com grande circuferência e cáliper duplo
Cáliper de pistão duplo
 O cáliper é a pinça que prende as pastilhas e auxiliam para que estas pastilhas mordam o disco. É neste cáliper que podem ser simples, duplo ou triplo, ou seja, há pistões que empurram as pastilhas de força pequena  (cáliper de pistão simples), de força média (cáliper de pistões duplo) e de grande força (cáliper de pistões triplo). 
Cáliper de pistão simples


Flexíveis de freios



Pastilhas de freios







Mas, espera aí! E os outros tipos de freios como o ABS?
Vejam catracas no meio do disco: este é o ABS
Amigos, na verdade o ABS, CBS, Freios hidráulicos e etc. são sistemas de frenagens. Na maioria das motos com freios a disco existem sistemas de freios hidráulicos, onde o óleo de freio é quem faz a pressão para que as pastilhas mordam os discos. Dentre estes sistemas, muitas motos, hoje, possuem um sistema eletrônico maravilhoso, chamado ABS que evita o travamento das rodas em frenagens mais bruscas. Este sistema é muitíssimo eficiente.  Acho que em até bicicletas deveria ter este sistema! Bricadeirinha. Aqui, o piloto pode "meter" a mão no manete ou o pé no pedal que a moto não derrapa!  Motos de pequena cilindrada como as CB 300 R, XRE 300 já possuem este sistema. Motos mais caras, com muita tecnologia, como todos os modelos da BMW, alguns modelos da KTM, e a mais bem avaliada moto a Ducati Multistrada 1200, possuem sistemas eficientíssimos de ABS.
Amigos, uma novidade ( nem tanto assim) é o sistema de frenegem COMBINADO (CBS - Combined Brake Systen), ou seja, quando se usa o pedal de freio traseiro, mesmo que não acione o manete dianteiro, a frenagem é feita combinadamente para os dois freios, com uma pequena carga para o dianteiro. Motos como a Scooter Lead 110 e as maxi Scooter Burgman 400 e 650 já possuem este sistema. Para um paiz, como o Brasil, que em suas auto-moto escolas não se ensina a frear uma motocicleta, estes sistemas são importantíssimo para os iniciantes neste mundo viciante, e fascinante, das duas rodas.

Um forte abraço a todos. 

4 comentários:

  1. muito bom o artigo, além de muito bem montado.

    ResponderExcluir
  2. Os comentarios mais equilibrados e com ensinamentos que nos levam a uma pilotagem tranquila

    ResponderExcluir
  3. Paschoal Pagliaro Junior2 de fevereiro de 2011 14:50

    Caro amigo, este artigo foi quase uma telepatia, pois eu queria enviar dúvidas acercas de FREIOS abs COMBINADO e das Kawasaki independentes, qual é o melhor ou é tudo igual?
    PARABÉNS pelo dom fácil de esclarcer as dúvidas ou as sugestões dos leitores motociclistas eternos amigos e alunos. Valeu demais. Paschoal. 02/02/11

    ResponderExcluir
  4. Professor troquei as lonas do freio dianteiro, a moto está ótima, valeu!!!

    Alexandre Patriarca!!!

    ResponderExcluir

Fiquem a vontade. Deixem suas críticas,sugestões e experiências.